.
Aqui… com doçura, com paixão e alegria, vida, sorrisos, sucesso e amor; Sabedoria, esperança, caridade e diferenças; Saudades, liberdade, dúvidas e certezas; Entre amigos ou família, quem sabe outras crenças, dias de sol ou de chuva, sem frescuras… dividimos…"segredos".


○○○○○

terça-feira, 1 de junho de 2010

Nós revelamos o amor de Deus...


Nós revelamos o amor de Deus... quando estamos dispostos a servir....

I Reis 3:16 a 28

"Então, vieram duas prostitutas ao rei e se puseram perante ele. Disse-lhe uma das mulheres: Ah! Senhor meu, eu e esta mulher moramos na mesma casa, onde dei à luz um filho. No terceiro dia, depois do meu parto, também esta mulher teve um filho. Estávamos juntas; nenhuma outra pessoa se achava conosco na casa; somente nós ambas estávamos ali. De noite, morreu o filho desta mulher, porquanto se deitara sobre ele. Levantou-se à meia-noite, e, enquanto dormia a tua serva, tirou-me a meu filho do meu lado, e o deitou nos seus braços; e a seu filho morto deitou-o nos meus. Levantando-me de madrugada para dar de mamar a meu filho, eis que estava morto; mas, reparando nele pela manhã, eis que não era o filho que eu dera à luz. Então, disse a outra mulher: Não, mas o vivo é meu filho; o teu é o morto. Porém esta disse: Não, o morto é teu filho; o meu é o vivo. Assim falaram perante o rei. Então, disse o rei: Esta diz: Este que vive é meu filho, e teu filho é o morto; e esta outra diz: Não, o morto é teu filho, e o meu filho é o vivo. Disse mais o rei: Trazei-me uma espada. Trouxeram uma espada diante do rei. Disse o rei: Dividi em duas partes o menino vivo e dai metade a uma e metade a outra. Então, a mulher cujo filho era o vivo falou ao rei (porque o amor materno se aguçou por seu filho) e disse: Ah! Senhor meu, dai-lhe o menino vivo e por modo nenhum o mateis. Porém a outra dizia: Nem meu nem teu; seja dividido. Então, respondeu o rei: Dai à primeira o menino vivo; não o mateis, porque esta é sua mãe. Todo o Israel ouviu a sentença que o rei havia proferido; e todos tiveram profundo respeito ao rei, porque viram que havia nele a sabedoria de Deus, para fazer justiça".


Salomão foi filho de Davi, o grande rei de Israel. Após sua morte, foi Salomão quem o sucedeu. Diz a Bíblia que Deus além de sabedoria, deu a Salomão tudo mais que um homem pode querer: poder, riqueza, inteligência, glória e muitos anos de vida para poder aproveitar tudo isso.

É bastante conhecida a história acima citada, e sempre que lemos ou estudamos este texto ressaltamos a "sabedoria" do Rei Salomão.

Isso realmente se faz necessário, pois se avaliarmos a questão, o caso não era algo simples, pois as duas mulheres possuíam um caráter questionável, a palavra de ambas não era confiável. Parecia impossível chegar a algo certo ou a uma decisão justa. Mais Salomão foi além das possibilidades legais da corte e deu um veredicto claro e certo, a justiça feita foi além da disputa aparente.

Vejo ainda que Salomão não precisava cuidar deste caso, ele poderia simplesmente ter dispensado as mulheres, dizendo que aquilo não merecia sua atenção. E ainda vou mais além, ele também não precisava ser cuidadoso em seu julgamento, poderia ter julgado arbitrariamente afinal qualquer resposta, felicitaria uma das mães, mais optando por qualquer resposta ele poderia ir contra sua oração por sabedoria e assim deixar de ser justo para dirigir o povo.

Salomão optou em agir com justiça com ambas as mulheres, considerando todas a circunstância em que viviam, pois a vida já não tinha sido muito justa com elas. Mais que isso, ele optou por ser verdadeiro para com Deus e revelar Seu amor e compaixão para com elas sendo um servo verdadeiro dEle.

Chego aqui a um ponto que julgo de grande relevância neste texto. Até onde estamos dispostos a amar, e demonstrar esse amor segundo o coração de Deus? Essa história bíblica serve para pensarmos no significado do amor. Tanto se fala sobre ele, tantas teorias são criadas, mas no final das contas é tudo muito simples: amar rima com altruísmo, com renuncia, com humildade, generosidade, amar é compreender o outro e aceitar o que seja melhor para ele.

Aprendemos aqui, que amar não combina com sentimento de posse, com egoísmos, com intrigas, mentiras, invejas, mais quando se ama se quer o melhor para o outro, mesmo que isso nos provoque sofrimento. Quando amamos queremos o nosso benquerer feliz, mesmo que não seja conosco. Como essa mãe que amando verdadeiramente seu filho, abriu mão de tê-lo junto a ela, para assim vê-lo vivo "porque o amor materno se aguçou por seu filho". Como se ela gritasse... - não.. o bebê não pode morrer.. nem que para isso eu tenha de dar meu filho para essa outra mulher.. eu quero que meu filho viva, mesmo que para isso eu tenha de perdê-lo e estar longe dele!

Constatamos cotidianamente pessoas que dizem agir "em nome do amor" mais na verdade seus atos se expressam de forma egoísta, irracional, infantil e doentia, e de maneira alguma demonstra o amor segundo o coração de Deus, podemos dizer que se trata de um pseudoamor: parece amor, mas não é.

Claramente vemos aqui, o amor de Deus sendo transmitido, através da vida de Salomão, pois ele conseguiu em seu ato de sabedoria trazer à superfície um dos melhores, e um dos piores lados da natureza humana, e com isso pode agir com justiça e misericórdia e mostrar que Deus alcança aqueles que outros rejeitariam como indignos; e também através da vida dessa mãe que amou seu filho verdadeiramente, sendo capaz de abrir mão dele, impedindo que ele fosse divido mais tivesse direito a uma vida inteira!!

Salomão nos fez vislumbrar nossos próprios corações, a escolha é nossa, pois a sabedoria evidência em nós que somos criados à imagem de Deus, e, também rastreia os sentimentos conflitantes que se originam ao declararmos a nossa independência de Deus, por isso, reveja seus conceitos, será que o amor de Deus tem sido revelado através da sua vida?? Você esta disposto a servir... a se doar... para demonstrar a imensidão desse sentimento?? Disposto a abrir mão... de algo.. ou de alguém... para vê-lo viver... mesmo que loge de vc??


Em Cristo, que se entregou... ao madeiro... por amar.. um mundo inteiro!!



Gisele Mulek

Um comentário:

Guerreiros da última geracão disse...

Graça e paz

Paz vi o seu perfil na UBE seu blog é uma benção que você continue assim ,estou te seguindo
aproveito para te convidar pra visitar o meu e compartilhar os meus post com você e seu amigos no blog
Faça um blogueiro muito feliz vai até o meu perfil e comente

http://jcbguerreiros.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...